Fanfics com a tag Kakasaku

A musica e minhas memorias escrita por ~Rinilirio

Fanfic / Fanfiction A musica e minhas memorias
Em andamento
Capítulos 21
Palavras 22.116
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Ação, Aventura, Famí­lia, Romance e Novela
Durante uma missão de espionagem algo inimaginável acontece, Sakura descobre o amor verdadeiro e percebe que ele sempre esteve ao seu lado, mas a mesma missão que dá o amor a Sakura é o mesmo que o tira.
Para o mundo ninja Kakashi esta morto e seu corpo nunca foi encontrado, e em uma vila afastada e separada um homem é salvo por uma linda jovem e ao acordar ele não se lembra de nada, então surge Sus que passa a viver na Vila do Templo.
Será que a memoria de Sus voltara? Será que Sakura aceitara a perda do amor a pouco encontrado?
  • 26
  • 24

Entre Sakura e Kakashi escrita por ~luanachan123

Fanfic / Fanfiction Entre Sakura e Kakashi
Em andamento
Capítulos 6
Palavras 7.299
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Ecchi, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Autora - "Kakashi, Sakura, Sasuke e Naruto. Dessa vez quatro alunos e Kakashi é um deles! São treinados por Minato..."

Kakashi, um aluno novo no time que aos poucos começa a se sentir atraído por Sakura, e as vezes se sente enciumado por ela se dar bem com Naruto e Sasuke. Como será pra Minato-sensei ter que aturar mais um garotinho?
( Narrado por Sakura)
* Um Amor floresce*
  • 90
  • 84

Guerra e Paz escrita por ~moni7a

Fanfic / Fanfiction Guerra e Paz
Em andamento
Capítulos 27
Palavras 90.396
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
O coração humano é um jogo. Não como um de cartas, em que é preciso mentir, não como o xadrez, que obriga o estrategista a sacrificar alguns soldados em prol do benefício do rei, não como os jogos acadêmicos, em que erros não são tolerados, nem como o sudoku, que possibilita apenas um final. Não. Este de que falo é muito mais neutro e democrático, sem dúvida, mas não por isso menos complicado. É um quebra-cabeça que alguém desmancha e cujas peças espalha pelos cantos do mundo no momento em que se nasce. Embora guarde uma ironia certa em seu próprio nome, não é isso a que se referem os poetas quando dizem que as coisas da cabeça e as do coração não se dão. Sua peculiaridade, ao invés, reside justamente em sua regra mais básica: encontrar e encaixar essas peças.
No começo, a busca é extremamente fácil. As primeiras duas porções nos são dadas como presente e a inocência e empatia da criança em nós nos permite enxergar outras muitas e juntá-las com a simples inteligência de um sorriso sincero. O tabuleiro se enche rapidamente, cada pedacinho é um com o todo, formando o desenho qualquer que as peças queiram. Em nossa procura, não há naco de nada que não nos pareça mais belo e certo. Tudo serve. E, apesar de caótico e irreal parecer o aglomerado que criamos, sentimos que nada poderia ser mais real que a cola que o une.
Mas, como vários outros jogos, à medida que o tempo avança, a dificuldade começa a aparecer. A liga vai se escasseando enquanto os anos se nos vão amontoando e, assim, é inevitável que as pontas distantes demais de nossos olhos se sequem, descolem-se das outras e caiam ao vazio tão cheio das que já não nos servem à obra. Os sorrisos diminuem e nós somos tentados a ir cada vez mais longe em nossa busca incansável por outros que os substituam e também por novos que se possam acrescentar ao conjunto.
Há vezes em que pensamos ter achado a peça-chave, aquela que findará para sempre nossos passos angustiados e nos trará a paz tão querida e merecida do trabalho finalizado. E então tentamos, sem sucesso, encaixá-la em qualquer espaço faltoso, mesmo sabendo que em lugar nenhum ela caberia. A agonia que deveria diminuir dobra com os insucessos e a vontade que dá talvez fosse de desistir, se a esperança pudesse ser pelo homem, de fato, suprimida. Mas o caminho ainda é longo e é preciso seguir sempre em frente. Porque, pode demorar, mas nós sempre acabaremos percebendo que aquele pedaço de papelão recortado não se ajusta à nossa mesa, porque provavelmente o faz na de outra pessoa. Acabaremos sabendo que é preciso deixá-lo ir, caso contrário serão dois corações incompletos.
Há vezes, porém, e é disso que trato, em que te deparas com um dilema: duas peças diferentes, uma cujas extremidades pontiagudas já te machucaram demais para que possas evitar ignorá-la, outra para a qual descobres de repente um novo e maravilhoso significado, mas que se moldam igual e perfeitamente no único espaço vazio que as poderia comportar. É certo que as duas pertencem ao nosso quebra-cabeça, mas somos obrigados a escolher apenas uma, se queremos que os contornos do nosso jogo sigam a desenhar o que nos propusemos.
Podes pensar que a primeira pessoa deste ensaio, aquela que começou a tua sina, seja um espécime superior, uma entidade ciente de tudo e de todos, que a tudo e a todos governa. Mas talvez haja um quê de existencialista demais, humano demais no tom terroso das pedras dessa estrada. Nenhuma destas aqui expostas é uma regra, caso não te identifiques, e nem acontece a muita gente. É apenas a inevitável história de um inquieto, uma impulsiva e um ex-ambicioso, cujos caminhos se cruzaram pelo acaso dos tempos e pela única coisa de que todos compartilhamos: o amor.
Qual seria a resposta? É preciso lembrar a si mesmo: há quatro opções e quatro formas possíveis de acabar esse jogo.

PS: eu estou postando essa fic no Nyah!, então não é plágio, tá? Sou eu mesma ^^
  • 76
  • 82

Apaixonada pelo meu Sensei escrita por ~Goticaa

Fanfic / Fanfiction Apaixonada pelo meu Sensei
Em andamento
Capítulos 14
Palavras 6.362
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Olá, me chamo Sakura Haruno e sou apaixonada pelo meu sensei. Eu sei que isso que é errado e tals, mas eu não consigo evitar. Ele messe comigo de uma forma que nem mesmo Sasuke-kun jamais mexeu.

Ino vive dizendo que eu devo dizer o que sinto por ele, mas não é fácil. Esse ele não gostar de mim ? E se me humilhar ? Não que eu ache que Kakashi-sensei seria capaz de me humilhar mas é melhor prevenir que remediar néh ?!






Gente, sou péssima em sinopse mas quem gosta de KakaSaku, acho que irão gostar ;) Kiss
  • 78
  • 86

Perversão escrita por ~ElabethWerth

Fanfic / Fanfiction Perversão
Em andamento
Capítulos 17
Palavras 26.573
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Ação, Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Não era como se ela fosse uma super-heroína. Na verdade todas suas ações e colaborações na maioria se passavam despercebido da população. Ela não era uma policial, não era da interpol/cia/FBI nada disso, bom, quase isso na verdade. A divisão de inter-crimes, era assim que era “reconhecida” sua repartição. Resolviam “crimes” que não ocorriam exatamente em situação que já não eram aceitáveis, por assim dizer. Crimes que se mostravam ainda mais sujos do que já eram em si em relação ao meio onde se ocorria.
Mentalmente julgava aqueles que aceitavam, mas era necessário saber mais a respeito. Saber o que havia acontecido com a pornô star Ino Yamanaka. Saber ate que ponto ela havia se metido, o que era toda aquela organização, a Akatsuki.
  • 65
  • 88

Flor de cerejeira prateada escrita por ~riadyne

Fanfic / Fanfiction Flor de cerejeira prateada
Em andamento
Capítulos 13
Palavras 14.894
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
O que aconteceria se.. A nossa flor de cerejeira morresse? Mais alguém a revitaliza, ela ganha novos poderes, novos clãs e .. Um cabelo.. PRATA?!?! Bem sim eu sei que essa descrição de cabelos prateados é só dos Hatakes não?.. Então pq a Saky ia ter o cabelo prata? Ora era por causa do seus novos olhinhos, mistura de DNA..rum.. Quem será? Já soube de um jutsu chamado Edo Tensei? Acho que já não? Bem os olhos da Sakura são resultado de uma mistura de olhos, entre eles o famoso Sharingan, rinnegan, sennin e suas tipicas esmeraldas, junto com esse poderoso jutsu a aparência dela se foi.. Junto com a antiga Sakura.

(Não é uma fanfic toda voltada para Sasusaku é variada, tipo Kakasaku, Sasusaku, Sasosaku etc.. Eh admito que tbm terá um pouco de Sasusaku X3 porém com moderação! Assim como os outros :3)

AVISO!!! Está fanfic contém Demência então se vc quer continuar normal, n leia, por qualquer sintoma de Demência consulte um psiquiatra, eu n me responsabilizo por qualquer causa de Demência.

Espero que gostem beijinho ;3
  • 49
  • 50

Lies and more lies escrita por ~Kany--hyuuga_

Fanfic / Fanfiction Lies and more lies
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 792
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Há uma casinha esquisita
Em um lugarzinho esquisito
Uma cidadezinha esquisita
Em um mundinho esquisito
Uma garotinha esquisita
Com seu rostinho esquisito
Dizendo coisas engraçadas que você nunca ouviu

Você sabe do que tudo isso se trata?
Você é corajoso o bastante para descobrir?
Saiba que você poderia incendiar o seu mundo
Se você for forte o bastante para deixar as suas dúvidas....
  • 9
  • 4

Tenho medo de ter perder... escrita por ~VivianUchiha

Fanfic / Fanfiction Tenho medo de ter perder...
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 1.250
Atualizada
Categorias Naruto
Gêneros Ação, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Saga
Depois da Quarta Grande Guerra Ninja, Sakura começa a sentir uma forte atração por seu sensei Kakashi, e lutando para conquista-ló, terá que enfrentar muitas mulheres, e também, o preconceito.
  • 12
  • 7