Spirit Rede Social de Fãs de Animes, Mangás, Músicas e Cultura em Geral

Faça sua conta no Spirit e Observe essa Fanfic, assim você será avisado sempre que tiver alguma novidade, você também poderá deixar seu Comentário estimulando o autor a continuar a Fanfic.

Fanfic Summer Love.. - Capítulo 26

Escrita por ~

Postado
Categorias P9
Personagens Anna, Carla, Eduardo, P9
Tags Comedia, Drama, Idolos, Romance
Exibições 252
Palavras 534
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais.Nenhuma das situações encontradas aqui realmente aconteceu. Não há nada que prove que as personalidades correspondem as originais ou que qualquer cena se assemelhe a qualquer acontecimento real. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual, sendo vedada a utilização por outros autores sem minha prévia autorização. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 26 - I kissed Girl


Fanfic / Fanfiction de P9 - Summer Love.. - Capítulo 26 - I kissed Girl

 

Summer Love.. – Capitulo – 22

A festa estava mal começando para mim. Eram 04:30 e o som estava super alto (A casa da Madu era em uma área rural, vizinhos com casas com uma longa distância. Por isso ninguém chamou a polícia pelo barulho do som alto) quando começou a tocar ‘’I kissed girl- Katy Perry’’. Eu estava dançando no meio de todos, sem consciência alguma e inocência total. Quando abro meus olhos vejo que estou beijando Madu (Oh-my-god). Se ela fosse um menino seria casável, mas é uma mulher. Do mesmo sexo que eu. Paro o beijo rapidamente e vou encontro ao carro para ir pra casa. Estou totalmente bêbada e não deveria estar dirigindo. Mas se eu não dirigir, quem vai? Estava chovendo fortemente e dando muita trovoada. Relâmpagos e mais relâmpagos. A pista estava totalmente lisa e pouco movimentada. E os carros que passavam, passavam em alta velocidade. Ou são os bêbados da festa, ou pessoas com pressa para chegar em casa. Não vou enganar a ninguém, e também esta mais do que obvio de que também estou em alta velocidade. Não sei por que mas comecei a pensar em o que os meninos estariam fazendo agora. Sei que não estam dormindo, pois eles devem estar preocupados comigo. Ah, verdade! Esqueci de ver se alguém ligou para o mim. Peguei o Matheus (meu celular –Iphone 5 u.u- que se chama Matheus. Simplesmente por que tem cara de Matheus) e vi que tinham 27 ligações perdidas.De celulares e telefone fixo. Fui discar o número para ligar pra casa e avisar que estava tudo bem mas eu escuto um forte barulho e dou com a cara no vidro do carro. O carro estava girando em plena pista. Mais devagar impossível. Eu conseguia ver cada traço das árvores que haviam na rua. Quando eu sinto outro forte impacto e dou de cara no vidro de novo. Mas dessa vez eu só conseguia ver o sangue escorrendo pelo meu rosto. Uma dor profunda. Não pensei duas vezes, tirei meu cinto abri a porta do carro e sai. Eu estava tão tonta que mal conseguia ficar em pé. O carro que eu bati já saiu. Acho que o motorista não deve ter se machucado muito. Eu andei na chuva por um longo tempo até que não aguentei mais e desmaiei. Quando acordei eu estava dentro de um lugar todo branco do qual eu não sabia qual era. Chamei por alguém e uma enfermeira veio.

Carla: Olá. Você poderia me dizer, por favor onde estou e como cheguei aqui?

Enfermeira: Oi. Você esta no hospital Beatriz Ramos. Dois senhores lhe trouxeram aqui. Eles falaram que você estava caída no asfalto. Desmaiada. Você esta com graves ferimentos, mas nós já tomamos conta disso. Você tem algum parente ou amigo para ligar pra lhe buscar?

Carla: Ai meu deus. Ah, sim tenho.

Enfermeira: Ali –disse ela apontando para o telefone- esta o telefone. Fique a vontade.   E saiu.

Carla: Oi, Paul... Então antes que você me peça alguma coisa pode vir me buscar aqui no hospital Beatriz Ramos? No caminho te explico.

Paul: Ok, to indo

-----C o n t i n u a    x o x o


Notas Finais


MEUS AMORES, MINHAS VIDAS P QUEM QUISER SABER O MOTIVO DA LONGA PAUSA: meu irmãzinho fez uma cirurgia e tenho que recuperar minhas notas p não reprovar. ESTOU DE VOLTA NUTELLAS <33 AMO VCS SUAS DIVAS coments, aceito :( desculpa pela demora

Outras fanfics de HarryTholl

Fanfic / Fanfiction Dont Stop to Dream..
Dont Stop to Dream..
Favoritos 2

Gostou da Fanfic? Compartilhe!
Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho dos outros deixando um comentário.

Para isto, Cadastre-se ou faça seu Login!


Carregando...